captura-de-tela-2017-02-25-as-16-45-41

Coletânea de contos realizados para o projeto Autorretratos Não Intencionais realizado durante a Bienal Aberta de Curitiba em 2015. 
Compra direto pelo site www.amazon.com.br

Setúbal

 Levou a barba à passeio até o emoldurado do jornal na parede externa da banca de revista da praça onde um dia se assoitara os escravos. Nem tanto tempo atrás assim, pensava.

"Na mochila pesava um grosso volume com carinho garimpado em um sebo. Era um livro de passear. Nunca conseguira ler todo o calhamaço. Iniciara várias vezes, mas não fora ao fim. Não por que a obra era ruim. Pelo contrário. Mas por que assambarcar imensa densidade de vida emanada pelo nobel de literatura lhe causava um lapso. Uma espécie de lapso congelante. No fundo não se sentia apto para tal empreitada. Segurar aquele volume extenso e sem capa. Raridade de edição. Não conseguira. Mas não sabia disso." [...]